Descubra o quanto sua operação está deixando de economizar todos os meses através da calculadora do Prolog.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

10 itens essenciais para o seu checklist diário de ônibus

Aumente a durabilidade e eficiência da sua frota com um checklist diário para ônibus — o que precisa estar nele? Confira a seguir!
Veja o que não pode faltar no seu checklist diário para ônibus.

O checklist diário para ônibus é, essencialmente, uma inspeção rápida para garantir que o veículo esteja em condições de rodar e fazer a viagem sem problemas.

A ideia é que constem os mesmo itens de uma verificação mais completa, mas em menos detalhes. Realmente, só para conferir se não tem nada visivelmente quebrado, desgastado ou que possa colocar os motoristas e passageiros em risco — como um pneu desgastado, um farol com lâmpada queimada ou algo nesse sentido.

Pneus

Há dois problemas a analisar nos pneus: o desgaste e a calibragem. Se você conseguir ver no olho que eles estão danificados ou vazios, o problema é realmente grave.

Mas, claro, utilizar uma ferramenta apropriada para a medição de profundidade dos sulcos (ou seja, do desgaste) e da pressão seria a melhor alternativa.

A calibragem incorreta mexe com a dirigibilidade do veículo, tornando o volante mais pesado quando está baixo e deixando o veículo instável e desequilibrado quando está alta, por exemplo.

Além de melhorar o desempenho e segurança do ônibus, a pressão adequada nos pneus ajuda na economia do consumo de combustível.

Freios

O sistema de freios do ônibus deve estar em perfeitas condições. Já imaginou estar numa rodovia e não conseguir frear? Desastre.

Portanto, é crucial que a inspeção dos freios esteja no checklist diário para ônibus.

KIT
Cheklist: Modelos + Manual

Comece a aplicar o checklist agora em sua operação

Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

Normalmente, se há problemas, o veículo acende a luz de atenção no painel eletrônico a fim de avisar o motorista. Porém, a estrutura eletrônica pode ter falhas também, ou não entender um problema até que seja tarde demais para corrigir. 

Isso significa: inspeção mesmo que não tenha indicações de problema!

Até temos uma dica extra para o motorista: vibrações excessivas no volante ou de ruídos no pedal do freio são sinais de que o sistema precisa de ajustes.

Medidas de segurança

As medidas de segurança, além dos freios, como mencionado acima, incluem extintores de incêndio e cintos de segurança. Além deles, os “facilitadores” de direção para o motorista, como os espelhos laterais, para-brisa, etc.

Por isso, antes de toda viagem verifique se a contagem de extintores está correta e se eles estão na validade ainda, preste atenção se o martelo está no lugar. Mais que isso, veja se o veículo conta com um kit de primeiros socorros a bordo — como deveria.

Quanto aos outros itens, o motorista deve ver se o espelho está limpo e bem posicionado, se o para-brisa e limpadores estão tudo ok, assim como os cintos de seguranças devem todos sem verificados se estão funcionando corretamente.

É importante verificar se a buzina está funcionando normalmente também.

Luzes e faróis

É bom conferir se todas as luzes estão operacionais, tanto as internas quanto as externas (isto é, dos faróis). Elas são: setas, farol, farol alto, farol baixo, luzes de freio e luz de ré.

Todas têm uma função importantíssima principalmente em viagens noturnas. Não apenas para o motorista e passageiros, mas também para os demais viajantes na estrada. Se eles conseguem ver o ônibus, conseguem dirigir com mais segurança e consciência.

Por outro lado, a checagem de luzes é um meio de evitar custos com multas e perda de pontos na carteira.

Motor

O que precisa ser analisado no motor é, fundamentalmente, o nível de óleo. Também deve ser observado se há ruídos, fumaça, superaquecimento ou qualquer outro sinal que indique problemas.

Outros itens que podem ser verificados são: o barramento, nível do líquido de refrigeração, nível do radiador e reservatória de transbordamento. Cada detalhe que puder ser inspecionado para garantir um transporte de passageiros mais seguro, melhor.

Portas

Todas as portas estão funcionando bem, abrindo e fechando ok? Não tem nada quebrado ou travando? O alarme de aviso está normal? É uma verificação simples, mas extremamente necessária.

Nesse caso, é mais uma questão de comodidade e satisfação para os passageiros. Porém, é bem importante que tudo esteja nos conformes para evitar que a porta feche quando alguém estiver entrando ou saindo, por exemplo.

Módulos

Os módulos dos ônibus geralmente são eletrônicos, eles servem para verificar itens como o balanceamento dos cilindros, a parametrização do ADM e receber diagramas elétricos detalhados do veículo.

São uma tecnologia aliada às frotas de ônibus que permitem um controle mais seguro de diversos dados dos veículos. Então, confira com frequência se os módulos estão funcionando adequadamente.

Limpeza

É importante que o veículo esteja limpo por dentro, é uma questão de higiene para os passageiros que querem uma viagem segura e tranquila. Ainda mais após a onda pandêmica que atingiu o mundo nos últimos anos, você precisa dar uma atenção especial para que os interiores de todos os ônibus estejam impecáveis.

Igualmente, a limpeza externa deve ser conferida. Andar com o veículo sujo demonstra uma falta de cuidado com os passageiros e pode até causar alguns danos à pintura do veículo.

Ar-condicionado

Os ônibus devem ter um ar-condicionado em pleno funcionamento. Ele não apenas mantém um ambiente climático agradável, mas filtra o ar do local. Quando negligenciados os cuidados com essa ferramenta, as consequências são graves — podendo causar desconfortos e crises respiratórias, além de odores desagradáveis.

Aliás, o ar está diretamente ligado com o consumo de combustível, já que funciona à base deste. Por esse motivo, quanto melhores as condições de funcionamento do ar, melhor o desempenho no consumo de combustível.

Combustível

Basicamente, o que precisa ser analisado é o nível de combustível e a distância da viagem (ida e volta). Se o tanque está na metade, mas a viagem for curta, o abastecimento pode ser feito no dia seguinte ou, pelo menos, na volta à garagem. 

Contudo, se a viagem for de longa distância e o tanque estiver vazio, deve ser feito um abastecimento imediatamente.

Isso é algo que deve, inclusive, ser verificado conforme calendário e orçamento disponibilizado: está tudo no conforme? Esse enchimento de tanque estava previsto? 

No geral, ao final do checklist diário para ônibus, uma pergunta deve ser respondida: o veículo está seguro, em condições de dirigir ou está em risco?

Agora que você já aprendeu sobre a montagem do checklist, conheça o modelo de check digital para frotas de ônibus!  

Autor

Luiz Felipe

Sócio fundador e CTO na Prolog App

Leia também

Que tal receber conteúdos incríveis como estes e totalmente de graça?

Inscreva-se e reveba as melhores dicas e novidades para melhorar os seus resultados e de sua operação na gestão de sua frota.

O Prolog utiliza as informações de contato fornecidas à nós para informá-los de nossos produtos e serviços. Você pode deixar de ser inscrito a qualquer momento. Para saber mais informações de como ajustar suas configurações de privacidade, confira nosso “Termo de Uso” e nossa “Política de Privacidade”.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.